Os riscos da obesidade para a saúde do seu coração

Os riscos da obesidade para a saúde do seu coração

A obesidade é um dos fatores mais graves quando falamos do coração e doenças cardiovasculares. O excesso alimentar, o estilo de vida sedentário e fatores como a genética são os principais influenciadores da doença, assim como problemas neurológicos, metabólicos e inclusive psicológicos.

É importante destacar que nem sempre a obesidade representa risco de alguma doença, mas o paciente precisa estar atento a essa predisposição em diferentes casos. O risco de problemas cardíacos é principalmente em indivíduos com vidas sedentárias, já que neste caso o coração precisa trabalhar com mais esforço. Também devem ser considerados casos em dietas ricas de gorduras saturadas, o que leva ao aumento da taxa de colesterol no sangue, e por sua vez favorece o acúmulo de placas de gordura nas artérias.

São diferentes as doenças que podem afetar a estrutura e função cardíaca com o acúmulo de tecido adiposo. Entre elas, confira algumas que são mais recorrentes nos pacientes obesos:

Hipertensão arterial

A hipertensão ocorre por conta do aumento do volume sanguíneo, volume sistólico e débito cardíaco, portanto, é maior o aumento da pressão arterial em pacientes acima do peso.

Insuficiência cardíaca

Quando se está obeso, o coração pode sentir dificuldades em bombear sangue suficiente para atender todas as demandas do seu corpo.

Apneia Obstrutiva do Sono/Hipoventilação

Além do ronco alto e sensação de cansaço, a apneia provoca a parada respiratória breve por várias vezes durante o sono.

Insuficiência venosa/Trombose/Embolia pulmonar

O paciente obeso pode ter o aumento do volume intravascular, que, junto com a diminuição da mobilidade, pode encontrar a redução do bombeamento dos músculos da perna/panturrilha, podendo resultar no refluxo de sangue.

Infarto Agudo do Miocárdio (parada cardíaca ou ataque cardíaco)

O infarto é quando o fluxo de sangue até o miocárdio é bloqueado por um período prolongado, de modo que parte do músculo seja danificado ou morra, sendo uma das consequências da obesidade.

Arteriosclerose

Significa a perda de elasticidade ou entupimento parcial ou total das artérias, provocado, principalmente, pelo acúmulo de placas de gordura no interior das artérias.

Em resumo, o excesso de peso faz com que o coração trabalhe mais. Portanto, todas as doenças cardíacas relacionadas à obesidade podem ser evitadas. Para isso, é preciso manter uma dieta saudável e a prática regular de exercícios físicos, o que depende de um comprometimento do paciente a fazer uma mudança definitiva em seu estilo de vida, dando preferência a alimentos como verduras e legumes, além do controle de ingestão de alimentos ricos em carboidratos e açúcares.

Se você sente desconforto com seu peso, se por vezes sente dores ou qualquer desconforto próximo à área do coração, é importante consultar um cardiologista. Lembre-se, nem sempre o corpo dá sinais de que precisa de auxílio, por isso, é essencial que sejam feitas avaliações periódicas das condições cardiovasculares.

Sobre o Doutor Coração

Doutor Coração é um serviço que reúne os melhores especialistas da área cardiológica em Porto Alegre.
Localizado no Hospital São Francisco da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre e coordenado pelo Dr. Fernando Lucchese, este é um centro de referência no país, com serviços pioneiros e tecnologia de ponta para tratamentos de alta complexidade. Para mais informações, entre em contato pelo telefone (51) 3214.8100.

As informações neste site possuem caráter informativo e não substituem a consulta com um médico.

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on print
Print