Diminuir letra Aumentar letra
NOTÍCIAS

09/03/2018
Gordura abdominal representa riscos para a saúde da mulher

Getty Images.jpg

Crédito da imagem: Getty Images

Realizado na Universidade de Oxford, no Reino Unido, o estudo analisou os dados sobre a forma física e a saúde de 500 mil pessoas com idades entre 40 e 69 anos. A primeira constatação não é nova: o aumento de peso está associado a um risco maior de infarto em ambos os sexos.

A descoberta é que, quando o excesso de gordura fica concentrado na barriga (corpo em formato de maçã, como cita o artigo), a probabilidade de infarto sobe entre as mulheres, com um risco entre 10% e 20% maior em comparação com aquelas que estavam apenas acima do peso.

Outro efeito negativo observado na pesquisa é que as mulheres que acumulam gordura no abdômen apresentam chance 35% maior de pane no coração, enquanto que, nos homens, o risco é de 28%.

O estudo reforça a importância de manter um peso equilibrado - a obesidade é fator de risco conhecido para doenças cardiovasculares - e dar atenção à circunferência abdominal especialmente entre as mulheres.